Contra a invasão do betão, pela qualidade de vida de quem vive no nosso Concelho !

14
Jul 11

Presidente da Câmara de Loures emprega família na Câmara

O presidente da Câmara Municipal de Loures, Carlos Teixeira (eleito pelo Partido Socialista), tem a trabalhar na Câmara de Loures cinco familiares:

  1.  a mulher, Graça Teixeira (directora delegada do SMAS),

  2.  a filha, Joana Calçada (adjunta da vereadora Sónia Paixão),

  3. os cunhados António Baldo (chefe de gabinete do presidente) e

  4. Paulo Gualdino (chefe de gabinete do SMAS) e

  5. a namorada espanhola do filho, Maria Montserrat (adjunta do presidente).

O presidente da Câmara de Loures, Carlos Teixeira admite «que pode parecer mal mas não me pesa nada na consciência».

Carlos Teixeira só tem mais dois anos de presidência por causa da limitação de mandatos (foi eleito pela primeira vez em 2001).

 
Notícia do Expresso, 9 de Julho de 2011
 
Palavras para quê, é um autarca do PS , bem se vê!
 
São indivíduos como este que têm posto o país no estado em que ele se encontra.
 
 
publicado por antonio ribeiro às 20:59

10
Jul 11
Mortes nas estradas descem em toda a União Europeia. Toda?...
 
 
Através de um relatório divulgado esta semana pela Comissão Europeia, ficámos a saber que a taxa de mortalidade nas estradas da União Europeia voltou a descer em 2010, tendo caído mais 10%.
 
O decréscimo da taxa de mortalidade rodoviária verificou-se em toda a União Europeia.
 
Toda? Não. Num pequeno país ocidental da União que dá pelo nome de Portugal, a sinistralidade mortal aumentou. Nessa vergonha, foi acompanhado por outro pequeno país – a Estónia. Entre os 27 países da União Europeia, foram os únicos que viram a taxa de mortalidade nas estradas aumentar. Em todos os outros 25, desceu.
 
Portugal e Estónia estão, aliás, juntinhos na ordenação dos 27 países da UE segundo a taxa de mortalidade nas estradas: Portugal ocupa agora o 20.º lugar (continua a ser ultrapassado por outros países) e a Estónia o 21.º lugar, com índices praticamente idênticos. Abaixo de Portugal (ainda) estão, além da Estónia, "velhas referências" no domínio da segurança rodoviária: Lituânia, Letónia, Bulgária, Polónia, Roménia e Grécia. A redução da mortalidade rodoviária em todos estes países foi superior à média europeia (a única exceção é a Grécia, onde a redução foi de apenas 10%). O perigo de nos ultrapassarem é bem real.
 
Há alguns anos, embriagámo-nos com os auto-elogios sobre a evolução da nossa sinistralidade - éramos, cantava-se a voz alta, o segundo país que mais tinha reduzido a mortalidade nas estradas – e ficámos convencidos de que já éramos tão bons como os outros europeus. “Está feito!”. Hoje já somos apenas o décimo país da União Europeia que mais reduziu a mortalidade rodoviária desde 2001, e estamos pertíssimo de ser ultrapassados, também neste indicador, por vários países (Alemanha, Reino Unido, Holanda…) – e todos eles partiram de uma realidade bem melhor do que a nossa.
 
Aliás, decorrida mais de metade deste ano, Portugal continua, em 2011, a ser incapaz de reduzir o número de mortos nas estradas, isto mesmo apesar da redução do tráfego rodoviário que se tem verificado um pouco por todo o país.
 
Enquanto isso, no topo da tabela da União Europeia, os países com melhores índices continuam seriamente apostados em reduzir o máximo possível a mortalidade nas estradas. A Suécia, por exemplo, que já era o segundo melhor da União Europeia, foi um dos três países que mais reduziu a mortalidade rodoviária em 2010 (26%) - e está agora em primeiro lugar, já que o Reino Unido, que ocupava essa posição, teve uma redução de “apenas” 18%. Aliás, no primeiro terço da tabela (9 primeiros), todos os países (com exceção da Finlândia) tiveram reduções superiores à média europeia (que foi de 11%).
 
Entretanto, a PSP, sabiamente, alertou recentemente para o risco de a sinistralidade rodoviária vir a aumentar neste Verão em Portugal. Motivo: devido à crise económica, muitos portugueses que habitualmente passavam férias no estrangeiro vão passá-las em território nacional. Resultado: a percentagem de condutores portugueses a conduzir nas estradas portuguesas durante este Verão será maior. É um aviso a ter em conta…
 
Joana
 
publicado por antonio ribeiro às 17:24

Julho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
12
13
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO